Vídeos corporativos e Design Thinking | Astronautas Filmes

(61) 3356-7403  |  (11) 99822-1100
Vídeos corporativos e Design Thinking

Vídeos corporativos e Design Thinking
Por
02/06/2017

Vídeos corporativos e Design Thinking

em>Técnica baseada em inovação e pensamento crítico pode ser aplicada para a produção de vídeos corporativos

Você já ouviu falar em Design Thinking?

Este tipo de pensamento prático tem como objetivo a solução de problemas e criação de produtos e serviços de forma inovadora, sempre a fim de obter alta produtividade e sugerir saídas nem sempre convencionais, mas eficazes, para problemas do dia a dia ou tarefas que precisam ser desempenhadas com afinco. Neste texto explicaremos melhor do que se trata o Design Thinking e como ele pode ser aplicado em seu vídeo corporativo.

Se fossemos traduzir “ao pé da letra” a expressão Design Thinking, poderíamos tentar descrevê-la como “O pensamento por desenhos”. Ela dá forma àquela expressão: “Entendeu ou quer que desenhe?”.

Basicamente, o que o Design Thinking faz é exatamente desenhar os pensamentos, literalmente, de uma forma lógica e produtiva que propicia a criação de protótipos e a solução de qualquer tipo de problemas profissionais ou pessoais através da análise e da reflexão.

As quatro fases do Design Thinking

O Design Thinking é uma técnica de pensamento crítico e inovação projetada para ser realizada em quatro principais etapas:

– Imersão

– Ideação

– Prototipação

– Desenvolvimento

Se formos traduzir estes termos em palavras mais factíveis, elas podem se transformar, respectivamente, em Entendimento, Criação, Teste e Aplicação. Ao passar por todas essas fases, o uso do Design Thinking provavelmente terá sido responsável por “parir” uma solução, uma mercadoria ou um serviço inovador e eficiente para cumprir com seu papel.

Imersão ou Entendimento significa pensar sobre a situação em que se encontra e analisar todas as variáveis possíveis a fim de compreender que realidade é aquela.

Posteriormente, é hora de Idealizar, ou de Criar – é onde a criatividade entra em ação e busca conceber ideias que podem até parecer absurdas, mas que farão completo sentido.

Prototipar ou Testar: é hora de saber se aquela ideia realmente tem aplicação prática e pode ser utilizada de forma positiva, sem causar prejuízos.

Se sim, é o momento de Desenvolver ou Aplicar – é quando tudo sai do papel e da fase de testes, para “estrelar” em um mundo de soluções cada vez mais rápidas e eficazes.
Como os consumidores Empresariais usam o Vídeo Online

Como pensar o Design Thinking no audiovisual

Antes de tudo, é importante ressaltar que o Design Thinking é um método, e não o produto em si. Portanto, pode ser que seu vídeo tenha um formato parecido a outros, mas que utilize a técnica do Design Thinking para ser concebido, produzido e editado.

Imersão – ou Entendimento:

Por que queremos um vídeo? Qual vídeo queremos? O que ele tem que dizer? Estas e muitas outras perguntas podem ser respondidas para dar clareza ao que deve ser produzido na sequência.

Criação ou Ideação:

Respondemos nossas perguntas preliminares e agora já temos um norte a seguir. É o momento de fazer um Brainstorm, colocar as ideias na mesa, ou no papel – nem que sejam post-its e começar a “ligar A com B’.

Prototipação ou Teste:

Nosso brainstorm e nossa análise deram origem a um boneco, um storyboard ou até mesmo um vídeo piloto. É este mesmo o produto que queremos? Que tal mostrá-lo a colegas de profissão para ver se agrada? Vai atingir nossos objetivos?

Desenvolvimento ou Aplicação:

Nosso vídeo é um sucesso! Agora é hora de fechar tudo, fazer a pós-edição, concluir todos os processos técnicos e lançar este produto audiovisual promissor nas plataformas de divulgação!

Design Thinking: uma ideia simples que pode dar origem a produtos geniais!

 

Astronautas Filmes – Produtora de Vídeos

Posts Relacionados